Parceiros

Animes Media PORTAL POKEMONGO - Create your own banner at mybannermaker.com!

sábado, 21 de maio de 2016

Curiosidades #7: A Origem dos animes



Conheça sua origem e história

A indústria dos animes conta atualmente com mais de 430 estúdios de produção, incluindo nomes conhecidos do público como Madhouse, Toei Animation e Studio Ghibli, essa indústria tem obtido sucesso internacional graças as mídias atuais, dublagens e distribuição feitas para outros países, etc.

Primeiros Trabalhos



Em 1907 foi produzida a primeira animação japonesa Katsudo Shashin que falava sobre um menino marinheiro, filmes de animação estrangeiros chegam aos cinemas japoneses em 1910, entre 1914 e 1917 foram exibidos cerca de 93 filmes de animação sendo as americanas de maior popularidade, esse fenômeno fez com que os produtores japoneses começassem a se dedicar a realização do cinema de animação nacional.


A companhia Tennenshoku  Katsudo Shashin (tenkatsu) é quem começa primeiro, em 1916 o desenhista de mangá Oten Shimokawa é encarregado de fazer um filme do gênero, a tarefa dele foi bem difícil já  que na época não havia registros sobre as técnicas de animação, mesmo assim em janeiro de 1917 é lançado o primeiro filme em animação chamado Inokawa Mokuso, Genkanban no Maki (Mukuso Inokawa e o guarda da estrada), no mesmo ano são lançados mais duas animações Saru kani Gassen (a batalha do macaco e o caranguejo) de Seitaro Kitayama e Hanawa Hekonai, Shinto no Kaki (Hekonai Hanawa e sua espada), a história da animação japonesa começa efetivamente graças ao trabalho desses três pioneiros.


Primeiros Avanços


Com a ocupação dos Estados Unidos no fim da segunda guerra mundial, muitos artistas japoneses tiveram contato com a cultura ocidental e sob influência da cultura pop americana desenhistas em início de carreira conheceram os quadrinhos e desenhos animados na sua forma moderna, na época haviam contrabandeadores que vendiam rolos de filmes americanos, desenhos da Disney e outros.

No ano de 1967 surgiram quatro filmes e quatorze séries animadas no japã, entre elas A princesa e o cavaleiro, Fantomas e Speed Racer que foi o primeiro com grande projeção internacional.

Os principais artistas que se envolveram no assunto foram Osamu Tezuka, Shotaro Ishinomori e Leiji Matsumoto jovens que mais tarde se consagraram no mercado de mangás, na década de 1950 influenciados pela mídia que vinha do ocidente diversos artistas começaram a desenvolver projetos experimentais de animação.


Primeiros Sucessos


Na época em que o mangá reinava como mídia surgiram os primeiros animes de sucesso, em 1958 foi lançado a animação Hakujaden (A lenda da serpente branca) que foi a primeira produção lançada comercialmente pela Toei Animation, divisão de animação Toei Company e Manga Calendar que foi o primeiro anime a ser especialmente feito para a televisão, veiculado pela emissora TBS com produção do estúdio Otogi em 25 de julho de 1962 e teve duração de dois anos.

Logo em seguida em 1963 foi lançado Astro Boy, baseado no mangá de Osamu Tezuka já com o visual comum nos animes de hoje que são olhos grandes e cabelos espetados que vieram da versão impressa, essa obra deu a propulsão para a maior industria de animação do mundo conquistando também o público dos Estados Unidos, tamanho sucesso fez com que Osamu se tornasse um ídolo no Japaõ o dando a oportunidade de criar seu próprio estúdio a Mushi Productions, outras produtoras também investiram nesse novo mercado e surgiram os clássicos do anime como Oitavo Homem (Eight Man), e Super dínamo (Paa Man), mas ainda com precariedade e poucos recursos, diferente das animações americanas.


Conclusão


As animações japonesas tem grande influência na cultura ocidental, tanto que já foram indicadas a vários prêmios internacionais tendo até recebido um Oscar de melhor animação em 2003 pelo filme Sen to Chihiro no Kamikakushi.

No Brasil a extinta Rede Machete de televisão estreou em 1994 o anime Cavaleiros dos Zodíaco no país, mudando para sempre o panorama da cultura pop japonesa por aqui, graças ao grande sucesso desse anime e de outros começaram a surgir cada vez mais animes na TV, revistas, lojas de brinquedos e outros tipos de mídia que poderiam faturar em cima dos desenhos japoneses, esse sucesso mudou até o senso estético dos quadrinhos nacionais e tudo começou a mudar a partir daí.

Com o crescente sucesso dos animes ao redor do mundo, surgiu uma comunidade de fãs que hoje são conhecidos como Otaku, termo que é alvo de discussões já que no Japão tem sentido pejorativo por isso muitas pessoas que assistem animes preferem fujir desse termo controverso.

Espero que tenham gostado, se gostou deixe seu comentário e continue acessando nosso blog.
robert elias Web Developer

Tenho 16 anos gosto muito de cultura Japonesa Animes,Mangás e Visual Novels,nas horas vagas (que são mais do que eu gostaria que fossem) gosto de postar em meus blogs,praticar algum esporte ou sair com meus amigos,sou bom aluno (nem tanto),enfim esse sou eu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chat